quinta-feira, 18 de junho de 2009

death proof (Tarantino)

Após uma pesarosa ausência, muito sentida, da parte do senhor engenheiro neste blog, aqui está ele para partilhar um pouco das suas lembranças matinais e que perduram normalmente durante alguns dias...
neste caso é a música da cena mas traz consigo um filme brilhante...

http://www.youtube.com/watch?v=eqsswEJghTE

segundo link: este não é para almas sensiveis! Esta cena, inacreditávelmente bem filmada reporta a um género de filmes (greenhouse) revisitado por Tarantino...
aqui fica um cheirinho do que falo:

http://www.youtube.com/watch?v=lM4JFy7mPNk

Beijos a todos!!!
Engenheiro

12 comentários:

BL disse...

Incrivelmente bem filmada???

Que Terror!!!!

Escusava de ter filmado tantos pormenores e tão detalhadamente...

É assustador!!!

direitoÀcena disse...

tens que ver a cena final (2)

BL disse...

Pois eu acho que me estava a referir ao segundo link, não sei se é isso, a cena final???

direitoÀcena disse...

Engenheiro, "a ver": o filme é bom (apesar de o Tarantino ter melhor) mas tens que concordar que a cena do crash é de uma violência brutal.


Beijos e que te tenha caído bem o cordon bleu ;-)

Amália

Francisco disse...

a cena do crash é boa por isso mesmo, a meu ver. É uma sátira à violência em si.

Don Quixote de la Mancha disse...

Confesso que não sei se é uma sátira, nem tão pouco vejo como excessiva a violência contida.... Mas que é bom é...e já está aí o novo deste senhor e mais outro - Brad Pitt. Um filme que me parece merecer uma ida ao cinema, mas mesmo ida ida :) "Inglourious Basterds" é o título e não, não está mal escrito.. é mesmo assim o nome do filme.

Don Quixote de la Mancha disse...

Estar aí é quase uma figura de estilo. O filme estreia dia 27 de Agosto.

Joana disse...

Eu fui ver e ía tendo um treco. Comecei-me a rir no Cidade do Porto para descomprimir e quando não aguentava olhava para o lado. A minha alma estava parva.
Não sei o que pensar das tuas lembranças matinais.
MEDO!LOL

l. disse...

gostei de ver. bem filmada. acho que a intenção não passa pela sátira à violência. é só um género violento a que o Tarantas já nos habituou. seco, rude e a-direito. ainda não tinha visto mais do que o trailer do filme. vou vê-lo na integra quando puder. vejam tb a cena final, é de loucos. bjs, l.

Pipette disse...

Eu vi o filme e gostei muito. Acho que a cena é normalzinha dentro do género 'Tarantas'...mas sim, estes teus pensamentos matinais são assustadores, Gil. Como diz o Bruno: 'que terror! Vocês situem-se, minha gente!'

Beijos e bom fim-de-semana criançada

Pipette disse...

Esqueci-me disto: gosto muito de vocês :P

Francisco disse...

eu acho que faz de certa forma faz parte da cena grindhouse e série b a violência pela violência, quase como um gozo mórbido de quem faz em chocar os outros. Um pouco o que vocês estão a acusar o Gil... :)
daí a sátira. a violência é de tal forma nesta cena que ela deixa de ser o motivo: ela transforma-se no burlesco, na repetição para satisfazer o voyeurismo de quem vê, onde até há lugar para uma perna muito barbie no meio da rua. isto, a par da estética de como é filmado, faz com que, a meu ver, não seja esta cena "violenta". De tão violenta, ela passa a ter outros motivos.
mas isto são só considerações de quem acordou de uma sesta há bocadinho. :)

um abraço